sexta-feira, 13 de novembro de 2009



"Minha força está na solidão. Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem de grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da noite. Que minha solidão me sirva de companhia... Que eu tenha a coragem de me enfrentar.... Que eu saiba ficar com o nada e mesmo assim me sentir como se estivesse plena de tudo...Por isso, sou como você me vê... Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania... Depende de quando e como você me vê passar..."

Um comentário:

  1. Plena! Eis a palavra.É o que vc, realmente, é, Rô!
    Andy

    ResponderExcluir